Livro Infantil: O leão Adamastor.


O livro infantil “O leão Adamastor” foi escrito e ilustrado por um autor brasileiro, Ricardo Azevedo. Fico muito feliz e encantada em indicar uma obra brasileira, porque sinto orgulho.

O livro é bem grande, têm 46 páginas, mas vale muito a leitura porque a história é bem emocionante. A sugestão é ler um pouquinho por dia.

Adamastor é um leão que vivia em uma jaula de circo e fazia sucesso com seu porte físico, até que um dia o circo pegou fogo acidentalmente e Adamastor fugiu.


Passou por uma longa jornada de coragem, criatividade, destreza, humilhação, até chegar ao seu grande sonho... Voltar para a terra natal!

Em sua terra natal, na floresta Africana, poderia viver livre, ser quem realmente é, ou seja, o temido Leão, o rei da selva, que caça, anda, corre, e por onde passa todos os conhecem.

Não foi fácil a caminhada e história de Adamastor, até chegar aonde ele chegou e realizar um sonho, um desejo, "voltar às origens".


O leão Adamastor foi humilhado na cidade por não ser reconhecido pelos animais urbanos, após fugir do circo que pegou fogo... Depois precisou criar uma estratégia de sobrevivência, se submetendo a ser um cachorro para não morrer de fome... Enfrentou um elefante desgovernado, e até trabalhou na televisão até chegar a concretizar seu sonho, que é morar na floresta Africana... Ufa, a jornada foi longa, desafiadora, mas no final seu sonho se realizou!


Eu já me vi na situação do leão Adamastor, tendo que me reinventar para sobreviver, tendo que aprender estratégias para viver uma nova e longa jornada, até realizar os sonhos...

Um livro infantil muito fofo, muito inspirador, que poderia ter mais ilustrações (risos) para a gente apreciar o encanto da leitura... Tipo a louca dos desenhos no meio dos livros infantis...rs

A única parte triste dessa história é na página 8, onde o apresentador que cuspia fogo passou mal, e por isso colocou fogo em toda a tenda do circo. Foi medicado e demitido.
Coitado do apresentador que cuspia fogo, eu achei injusta a demissão dele, porque ele passou mal e não foi proposital, mas enfim, faz parte muitas vezes da vida, inclusive as injustiças...

Fora essa pequena injustiça (risos), achei muito bacana a história, recomendo muito a leitura.
Até a próxima.
Beijos,
Ju.

Um comentário:

  1. Oi Ju e Vitinho!

    Esta arte imita bem a vida, algumas vezes, injusta.

    Gostei muito da história. Por coincidência, Laura trouxe para casa um texto semelhante ao caso do leão Adamastor. Porém, na tarefa dela, trata-se de um papagaio.

    Muito bom ler e contar história!!

    Beijos carinhosos!!!

    Re e Laura

    ResponderExcluir