De pai para filho. Futebol de botão, uma brincadeira e tradição que passa de geração em geração.


Futebol de mesa.

Família é história, é biografia de vida, de amor, de caminhada, de detalhes...
Aqui em casa somos muito unidos em tudo que vamos fazer...
Unidos não somente no sentido de amor, respeito, educação, mas em tudo que pensamos em fazer, realizar, etc.

Família na verdade é como um time de futebol, ou seja, é preciso conhecer a equipe e se unir, mesmo que caminhando em lados opostos do campo, tem atritos, vitórias, choros, mas o propósito precisa ser o mesmo... Onde fazer o gol, para onde tocar a bola, tudo é bem pensado, organizado antes do time entrar a campo, não é verdade?

Como o assunto é "futebol de botão", combinou bem o exemplo acima de família (risos).

Estou falando com uma conotação de brincadeira, mas a intenção é verdadeira, faz sentido e tem um propósito a família caminhar todos juntos, mesmo que seja em tempos diferentes, entende?

Para exemplificar melhor, aqui em casa a gente não pensa somente em nossos desejos e vontades únicas e exclusivas, porque antes tudo passa por uma peneira de intuição (conversa dom Deus), observamos as fases e os momentos da família como um todo, entende?

Família não é formada de uma única pessoa, por isso acredito que tanto as dores como as delícias são momentos, e quando a gente respeita cada fase e dança conforme a música, tudo entra no eixo... Precisa sempre haver harmonia nas decisões familiares...

Se as decisões causam dor ou sofrimento, talvez as atitudes e escolhas precisem ser repensadas (é assim que tenho aprendido sobre a vida)...

Todas essas palavras são inspirações que vieram para compor esse texto e compartilhar com vocês. Agora borá para o assunto do post?

O que tem ai na casa de vocês de especial que passa (ou passou) de pais para filhos?

Aqui em casa tem várias coisinhas especiais, mas uma coisa muito bacana é o "Futebol de Botão", principalmente por ser algo que foge do convencional, e eu inclusive joguei na minha infância com meus primos... 

Hoje em dia tudo é em torno da tecnologia, então quando a gente compartilha algo dos tempos antigos e usufrui, brinca, acaba sendo o destaque.

Meu esposo Daniel jogava "Futebol de Botão na infância dele", compartilhou um pouco dessa brincadeira divertida com o primo mais novo, o Arthur, que fez da brincadeira um esporte, onde tem várias medalhas... Olha a foto logo abaixo que bacana.

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=952474591465791&set=t.100000074122106&type=3&theater
Arthur Mariani Cara. Futebol de Mesa. Campeonato.
E agora o papai Daniel (meu esposo) brinca com o filho Vitor.


Tem vídeos no canal do Vitor (Vitor Toys TV) dessa brincadeira que faz sucesso aqui em casa...

E meu esposo gosta tanto, que ele faz os próprios times. Tem uma caixa enorme e organizada, cheia de times que meu esposo fez...


Vitor também brinca com os amigos que vêem em casa, porque está compartilhando essa brincadeira incrível com os amigos...

Futebol de Botão com amigo


Bacana onde a vida nos leva, basta à gente olhar para frente, mas nunca se esquecer de quem está ao nosso lado, da nossa própria história, e de quem faz parte do nosso time, não é verdade? Uma pequena reflexão!

E por ai, tem tradição, coisas e histórias de outras gerações, de pais para filhos?
Compartilha com a gente aqui nos comentários...
Beijos e até a próxima.
Ju.

Um comentário:

  1. Ju,

    Aqui em casa são as bonecas! Minha mãe brincou muito com uma boneca de papelão, na época dela. Eu brinquei de boneca até ficar grande! rsrs E, Laura gosta muito de brincar com as "filhinhas"!!

    Você disse bem, harmonia, união, amor, família! Lindo demais de ler, de se ver!

    Beijos carinhosos!!!

    Re e Laura

    ResponderExcluir