O que a criança vai ser, quando for criança?


Todo mundo quer saber o que a criança vai ser quando crescer.

Eu quero saber o que a criança deseja ser, enquanto criança...

Sou expectadora, participante, ouvinte e desejo vibrar com as histórias, fantasias e encantos da infância.

Quero dar beijinhos nos machucados, cuidar dos ralados... Quero brincar junto, cantar borboletinha, pegar pedrinhas...
Ajudar a levantar quando cair, ficar mole de tanto rir, até a barriga quase explodir...
Bolhinha de sabão, castelinho na areia, cabaninha debaixo da mesa.

Polícia e ladrão, Pirata ou Batman, Princesa ou Homem Aranha, Médico ou Professor, Jogador ou Contador de histórias, a infância é uma doce trajetória.

Como diz a doutora Vera Cordeiro, Médica e Fundadora da Fundação Saúde Criança, durante uma entrevista no filme O começo da vida: “Investimos tanto tempo e dinheiro em pesquisas, satélites, em diversas áreas para conhecer novos planetas, a lua, entre outras coisas, e não investimos no ser humano, no começo da vida...”

Como podemos desejar um mundo de paz, de bem aventurança, se não levamos em conta o começo da vida?

Por isso o meu melhor projeto de vida, é assistir e participar das aventuras e desventuras da minha riqueza, do meu filho.


Muitas vezes é difícil para o adulto mensurar ou investir tempo, atenção, carinho, paciência e amor, para responder e desvendar os anseios, dúvidas, sentimentos de medo, dor, angústias, alegrias, tristezas, paixões de infâncias, das crianças diariamente... Mas basta você lembrar a sua infância, de como era bom ser criança, que tudo fará sentido para você...

E se a sua infância não foi fácil, ai está mais um motivo para você proporcionar essa alegria aos seus filhos, de ter uma infância rica em brincadeiras e preciosas recordações.

Vejo diariamente meu filho desejando construir a roupa do Homem Aranha ou a armadura do Homem de Ferro, por vezes até de papel (risos), e como eu poderia perder esse espetáculo diário?

Quem pode ser o expectador desses artistas mirins, que tem tantas coisas lindas tem para mostrar diariamente?

O Vitor faz pose do Homem Aranha e me chama para eu ver o que eu acho, para me mostrar e perguntar se está igual à pose do filme (coisa mais fofa do mundo, gente)...rs


Fala a verdade, como é bom lembrar a infância e do que a gente mais gostava de ser e brincar?

Honrar o direito de a criança ser criança, ter seu tempo livre de escolha, de exploração, de criação e imaginação, é a minha força e inspiração diária.

Infância, crianças, raízes de esperança...

Cuide, preserve, honre a pureza da infância... 
O universo clama, o amor declama, salvem as crianças, cuide da infância!
Beijosssss doce,
Com carinho.

Ju

2 comentários:

  1. Oi Ju e Vitinho!

    Ainda há quem despreze o título mais nobre e honrado que se possa receber, o de ser mãe. Nem a mais alta executiva poderá ser maior do que a mãe. Simples, com repetidas tarefas dentro e fora de casa. Mas, altíssima diante dos olhos de Deus que nos pedirá conta, um dia, desta tão honrosa e eterna herança!

    Parabéns, Ju, pela mãe sábia que você é! E que Deus continue nos abençoando, todas que fazem parte desta maravilhosa e desafiadora missão.

    Beijos carinhosos!

    Re e Laura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Re

      Obrigada por suas palavras...
      Confesso que fico encabulada com elogios...rs... Mas também confesso que fico orgulhosa e muito feliz, de encontrar mães, pessoas amigas, assim como você, que compartilha da ideia de uma educação mais presente, seguindo os preceitos e caminhos de Deus...

      Obrigada de coração pelas palavras que enchem meu dia e coração de alegria.

      Beijos grande, para vc e para a laura.

      Ju e Vitinho

      Excluir